Portal do Governo Brasileiro
  • Pular para o conteúdo
  • Diminuir letra
  • Aumentar letra
  • Fundo Preto
  • Fundo Normal
  Página Inicial Setores SUSEP Notícias Notícias SUSEP: MANUTENÇÃO DE DIÁLOGO COM AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DO SETOR DE SEGUROS É PRIORIDADE  

Notícia

SUSEP: MANUTENÇÃO DE DIÁLOGO COM AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DO SETOR DE SEGUROS É PRIORIDADE

19/09/2017

Titular da autarquia participou da abertura da 8ª Conseguro ao lado do secretário executivo do ministério da Fazenda

 “A Susep tem priorizado o diálogo e o debate com as entidades representativas do setor de seguros, principalmente por meio das suas comissões técnicas. Essa iniciativa é prioridade na agenda da autarquia e está levando mais agilidade aos processos do mercado”, pontuou o titular da Superintendência de Seguros Privados, Joaquim Mendanha de Ataídes, nesta terça-feira, 19 de setembro, durante a abertura da 8ª Conferência Brasileira de Seguros (Conseguro), promovida pela Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg), no Rio de Janeiro.

A fala do superintendente da autarquia vai ao encontro da agenda de trabalho apresentada pelo secretário executivo do ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, que discursou durante o evento. Segundo Guardia, hoje há um excesso de regulação que representa custos e precisa ser combatido com ações de desburocratização. “O adequado funcionamento do setor precisa de uma regulação adequada. Existe um enorme alinhamento entre as iniciativas que estão sendo implementadas pelo Governo Federal em suas diversas áreas e os anseios do setor de seguros. A nossa agenda é a agenda da reforma, da produtividade e da eficiência em prol do crescimento”, ressaltou, enfatizando que o ministério da Fazenda, por meio da interlocução do Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) e da Susep com a CNseg e com as federações que a compõem tem ampliado muito o diálogo e o debate com o setor de seguros.

“É fundamental estar em sincronização com o setor para que possamos tomar as decisões corretas e priorizar as ações no tempo. Nós temos olhado para a questão regulatória tentando ao mesmo tempo tratar as oportunidades de desenvolvimento de produtos sem deixar de olhar para as questões prudenciais, para a proteção dos consumidores, para a transparência da informação e para ações que visam a redução de custos”, elencou. “Na linha de desenvolvimento de produtos, na crise fiscal, olhamos para alguns ramos de seguros e pensamos que eles são parceiros que nos ajudarão a resolver áreas que o Governo está tentando suprir como o seguro de acidente de trabalho, o seguro rural, o seguro desemprego e o seguro saúde”, exemplificou.

Durante os três dias da Conferência, de hoje a 21 de setembro, serão abordados temas que estão alinhados à pauta da Susep, como a regulação e o desenvolvimento do mercado de seguros, o fomento de novos investimentos, as reformas microeconômicas necessárias para o crescimento do país, inovação, entre outros. Amanhã, quarta-feira, 20 de setembro, Joaquim Mendanha de Ataídes integrará o primeiro painel do dia intitulado “A regulação e o desenvolvimento do mercado de seguros’, que também contará com as participações da secretária-adjunta de Política Microeconômicas do ministério da Fazenda, Priscila Grecov, do diretor-presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Leandro Fonseca da Silva, e do Advogado Gustavo Binenbojm. A mediação ficará a cargo do presidente da CNseg, Marcio Coriolano.

Ações do documento